ACCURA - Centro de Traumatologia Esportiva e Ortopedia

Oferecemos a você o que existe de mais avançado no tratamento das lesões do esporte e das atividades físicas cotidianas. Por meio de modernas técnicas e recursos atualizados, a ACCURA coloca à sua disposição especialidades médicas e tratamentos complementares para prevenção de lesões e recuperação pós-cirúrgica executados por um corpo clínico altamente capacitado e de excelente nível profissional.

• Traumatologia Esportiva e Ortopedia

• Fisioterapia preventiva

• Fisioterapia esportiva

• RPG

• Nutricionista

• Acupuntura

Traumatologia Esportiva

Lesões e problemas ortopédicos são comuns para quem pratica esportes e atividades físicas. Para reabilitar a condição física de maneira rápida e segura, no tratamento de problemas ortopédicos e traumatológicos, é indicado a Traumatologia Esportiva. O objetivo é a reabilitação precoce do paciente, por meio de orientação, prevenção e tratamento, muitas vezes utilizando técnicas cirúrgicas minimamente invasivas. Nosso foco é adaptar sua reabilitação para que você volte a praticar sua atividade preferida, com conforto e segurança.

Ortopedia

Nossa busca por qualidade e satisfação é diária: os profissionais da ACCURA estão em constante desenvolvimento e reciclagem de técnicas e tratamentos, conservadores ou cirúrgicos, para que você possa retomar e melhorar suas atividades diárias. Seu bem-estar, sua satisfação e sua vida com mais qualidade merecem nossa dedicação incondicional.

Artroscopia

Atualmente, esse procedimento cirúrgico, minimamente invasivo, permite ao médico investigar com bastante precisão, o interior de uma articulação, suas estruturas como os ligamentos, a cartilagem e também os tendões, tratando com bastante eficácia e mais conforto no pós-operatório. Os profissionais da ACCURA estão constantemente em busca das melhores técnicas para cuidar de você.

Nossos princípios

Cada profissional da ACCURA traz consigo o propósito e a razão principal do desempenho de suas atividades: a total satisfação de nossos pacientes por meio dos cuidados com sua saúde.

MISSÃO

Nossa missão é oferecer aos pacientes o melhor corpo clínico de ortopedia e traumatologia esportiva, além de terapeutas de tratamentos complementares, com as mais modernas técnicas para satisfação total e com excelência no atendimento.

VISÃO

Nossa visão consiste em ser um dos melhores centros de ortopedia e traumatologia esportiva do Brasil, com profissionais altamente qualificados, sempre buscando os melhores recursos para oferecer o melhor atendimento e tratamento aos nossos pacientes.

VALORES

Nossos valores são o respeito absoluto à vida, a manutenção da saúde, o atendimento personalizado com total dedicação, a busca constante de soluções inovadoras e a oferta das mais avançadas técnicas e terapias para quem busca viver com mais qualidade e plena satisfação.

Perguntas frequentes

A ruptura do menisco é uma das lesões mais comuns do joelho. Os meniscos fazem o papel de amortecedores de impacto e estabilizadores dos joelhos e, portanto, tendem a sofrer desgastes com o tempo e com a sobrecarga.
Tudo depende da gravidade do caso e o nível de atividade do paciente. Uma das lesões mais comuns em atletas do futebol, futebol americano e basquete, a ruptura (ou estiramento) dos ligamentos cruzados anterior do joelho. Eles são encontrados no interior da articulação do joelho e se cruzam, formando um X e controlam o movimento do joelho. Quando acontece a lesão, as funções dessa articulação tão importante do corpo dificilmente se recuperam sem uma intervenção cirúrgica.
O manguito rotador é um grupo de músculos responsáveis pela estabilização, força e mobilidade do ombro. São vários os traumas a que está sujeito: desde um pequeno edema até a ruptura total de um ou vários músculos do manguito. Na fase mais branda, que pode ocorrer em qualquer idade, surge uma dor no ombro e na lateral do braço e são reversíveis. Numa fase intermediária – e dolorida! - a lesão pode ser maior com a ruptura do tendão, geralmente em pacientes acima dos 45 anos. Numa fase posterior, pode ocorrer perda de força e do poder de elevação e rotação do braço. Quando o tratamento clínico não for eficaz, pode-se indicar o tratamento cirúrgico, conforme a patologia apresentada.
Toda a estrutura do ombro é organizada e suporta determinada força. Quando uma força extrema (uma pancada ou um tombo, por exemplo) supera a estrutura estabilizadora dessa articulação (lábio, cápsula e ligamentos e manguito), a cabeça do úmero é projetada para fora da cavidade da escápula (glenóide). Isso causa instabilidade e disfunção do ombro e o tratamento, na maioria das vezes, é feito por artroscopia. Uma subluxação significa que não houve um deslocamento completo da cabeça do úmero.
É a mesma coisa. Mais conhecida como lesão do tornozelo, a entorse é muito comum entre os praticantes de várias modalidades de esporte, como corrida, futebol, vôlei e tênis. Os ligamentos são tecidos fibrosos que dão estabilidade ao tornozelo. Quando ocorre a entorse, os ligamentos podem sofrer lesões em graus variados, gerando instabilidade no tornozelo, sendo necessário tratar de maneira conservadora (nas lesões menores) ou cirúrgica (quando for a lesão de dois ou mais ligamentos do tornozelo).
Os músculos são estruturas muito importantes que dão movimentação ao corpo e possibilitam nossas atividades diárias e esportivas. O cuidado com a musculatura é fundamental para uma vida saudável. As lesões musculares podem ser desde simples estiramentos ou contraturas até lesões mais graves, como distensões ou rupturas musculares, que precisam ser corretamente tratadas
Uma das causas mais comuns das dores na coluna, a discopatia degenerativa se origina de desgaste ou ruptura dos discos que se localizam entre as vértebras da coluna. Não é uma doença mas um processo inerente ao envelhecimento que pode ocorrer em maior ou menor grau para diferentes pessoas que podem ou não apresentar sintomas. O tratamento deve identificar, em primeiro lugar, se as dores são de origem mecânica (provocadas por uma compressão), do excesso de esforço sobre as articulações (sobrecarga nos discos, ligamentos ou músculos) ou postural.